Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Rio Grande do Norte’ Category

Autora da pesquisa sobre ensino de ciberjornalismo, Catarine Sturza

Pesquisa sobre o ensino de ciberjornalismo nas universidades de Mato Grosso do Sul será apresentada durante o 9º Ciclo de Pesquisa em Ensino de Jornalismo que acontece em Recife (PE), entre os dias 21 e 23 de abril, no 13º Encontro Nacional de Professores de Jornalismo. O evento é organizado pelo Fórum Nacional de Professores de Jornalismo e será realizado na Universidade Católica de Pernambuco.

A pesquisa foi desenvolvida pela acadêmica de jornalismo e participante do Grupo de Pesquisa em Ciberjornalismo (CIBERJOR) da UFMS, Catarine Sturza em projeto de Iniciação Científica, orientada pelo professor Dr. Gerson Luiz Martins. Foram aplicados questionários entre professores e alunos dos cursos de Jornalismo de quatro universidades e uma faculdade do estado, na UCDB, Unigran, UFMS, Uniderp e Estácio de Sá, entre os meses de fevereiro e maio de 2009.

O texto final da pesquisa, transformado em artigo científico, foi aprovado para apresentação no Grupo de Pesquisa Projetos Pedagógicos e Metodologias de Ensino, coordenado pelo professor da PUC do Rio de Janeiro, Leonel Aguiar.

Segundo o coordenador do CIBERJOR-UFMS, professor Dr. Gerson Luiz Martins, a pesquisa trata de um segundo momento do projeto nacional para levantar o estado da arte do ensino de ciberjornalismo no Brasil. A primeira pesquisa, também por meio do Programa de Bolsas de Iniciação Científica – PIBIC, foi realizada no Rio Grande do Norte, em 2007, no Curso de Jornalismo da UFRN.

Read Full Post »

Os professores, pesquisadores, estudantes e profissionais da comunicação têm encontro marcado, na primeira semana de setembro, na cidade de Natal, capital do Rio Grande do Norte. De 2 a 6 de setembro realiza-se, naquele paraíso tropical, o XXXI Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, promovido pela INTERCOM, para debater, entre tantos temas da atualidade, a interação entre mídia, ecologia e sociedade.

O evento acontece no marco de duas comemorações emblemáticas: os 50 anos de fundação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e os 110 anos do nascimento de Câmara Cascudo, intelectual paradigmático que proferiu a lição inaugural da nova universidade e construiu uma obra monumental sobre a cultura popular. Trata-se de boa oportunidade para que pesquisadores mais voltados para o estudo da cultura de massas façam análises cruzadas com fenômenos típicos da cultura erudita e da cultura popular.

Confirmaram sua presença no congresso figuras exponenciais da intelectualidade internacional, como os espanhóis Manuel Pares i Maicas, Margarita Ledo, Francisco Sierra e Bernardo Diaz Nosty, os portugueses Antonio Fidalgo, Jorge Pedro de Sousa e Luis Humberto Marcos, o cubano-mexicano Mário Nieves, os argentinos Gustavo Cimadevilla e Luis Albornoz, o mexicano Gustavo León ou os brasileiros Carlos Eduardo Lins da Silva, Wilson Bueno, Gaudêncio Torquato, Carlos Chaparro, Luitgarde de Oliveira Barros, José Geraldo W. Marques, Norval Baitello Jr., Juremir Machado da Silva, Adisia Sá, Roberto Benjamin, Marcius Freire, Antonio Fausto Neto, etc.

Read Full Post »


Os jornais e emissoras de TV do Rio Grande do Norte deram destaque, nesta semana, sobre a ação das marés no litoral potiguar. Nos últimos meses, o movimento das marés provocou a destruição de inúmeros imóveis construídos nas praias do estado.

Os telejornais e matérias dos jornais impressos atribuíram a situação ao desequilíbrio dos fatos naturais por causa do aquecimento global. Segundo a mídia do potiguar, o nível dos oceanos aumentou em torno de 10 cm, conforme reportagem veiculada pela Inter TV Cabugi. Que o nível dos oceanos aumentou em conseqüência da ação do homem sobre a natureza, não há dúvidas. No caso da destruição dos imóveis no litoral do Rio Grande do Norte e de outros estados do Brasil, como na cidade de Itapoá em Santa Catarina, muito se deve a ganância do homem, como diz o ditado “quem pode mais, chora menos”, em construir sobre a praia. Boa parte das praias do Rio Grande do Norte e de outros estados foram invadidas pelos “donos do mar”, em ação de privatização da área pública do litoral. As matérias da mídia potiguar não mostra que foi a ação do homem, ao invadir as praias, que provocou essa destruição.

legislação federal que determina distância mínima para construções no litoral, é a chamada “área de marinha”. Para a maioria dos proprietários de imóveis do litoral, essa lei não existe e o poder público não tem competência para fiscalizar. Se o governo não regulamente as construções nas praias brasileiras, a natureza se encarrega disso.

O ciclo das marés simplesmente cobra sua área de volta. A natureza é implacável e agora quer a devolução das áreas invadidas pelo homem.

——————————————
Nota sobre as fotos:
As duas fotos são do mesmo imóvel na praia de Camurupim (RN), a primeira é recente – outubro de 2007. A segunda é de novembro de 2006. Pelas imagens se pode avaliar bem o trabalho da natureza, do ciclo das marés!

Read Full Post »


A 13ª Cientec – Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura da UFRN começa na próxima terça-feira, dia 2 de outubro. Às 19h30 haverá a solenidade de abertura, no auditório da Reitoria da universidade. Durante quatro dias, a UFRN concentra suas atividades em torno da Cientec. Além de atividades de exposições, feiras, colóquios, acontece o 18º Congresso de Iniciação Científica que vai mostrar os projetos de pesquisa desenvolvidos pelos alunos da graduação.

Confira a relação de eventos paralelos da Cientec:
XVIII CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA
MINI-CURSO DA PÓS-GRADUAÇÃO
III SALÃO DE EXTENSÃO
MOSTRAS FOTOGRÁFICAS
ESPAÇO LITERÁRIO:LITERATURA COM CAFÉ
II SEMINÁRIO CONEXÔES DOS SABERES
I FORÚM UNIVERSIDADE-SOCIEDADE – “RODAS DE DEBATES”
VI SIMPÓSIO E IX MOSTRA CIENTÍFICA DO CENTRO DE BIOCIÊNCIAS
II SEMANA DE AQÜICULTURA
III SEMINÁRIO INTRODUÇÃO À DOCÊNCIA
ERGONODIA: I CICLO DE PALESTRAS SOBRE ERGONOMIA
III SEMANA DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO
SEMINÁRIO DE MÍDIAS DIGITAIS
SEMINÁRIO DE ENGENHARIA CIVIL
I SEMANA DE MODELAGEM DE AMBIENTES TRIDEMENSIONAIS INTERATIVOS
CICLO DE PALESTRAS EM ENGENHARIA ELÉTRICA

Read Full Post »


A diretoria da Intercom comunicou que foram definadas as datas para a realização do 31º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. O Congresso Intercom 2008 que será realizado em Natal (RN), organizado pela UFRN, UnP, Fatern e Uern, acontecerá entre os dias 1 e 6 de setembro.

Segundo informação da Intercom, o dia 7 de setembro, domingo, anteriormente previsto como último dia do Congresso, será reservado para passeios turísticos em Natal e para o retorno dos congressistas às suas localidades.

Informações sobre o congresso Intercom 2008, no endereço www.intercom.org.br.

Read Full Post »


A Intercom divulgou nesta segunda-feira, 24 de setembro, Boletim Semanal onde divulga a criação do Prêmio Câmara Cascudo de Folkcomunicação. O Prêmio Câmara Cascudo de Folkcomunicação será promovido pela Rede FOLKCOM, contando com o apoio da INTERCOM, UFRN e Cátedra UNESCO/Metodista. É parte da programação do XXXI Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação e terá como tema : Incursões de Câmara Cascudo pelo território folkcomunicacional, coordenado pela Profa. Dra. Maria Érica Oliveira Lima (UFRN). Informações: merical@uol.com.br.

Outro destaque do Boletim é a realização do 1º Encontro de Coordenadores de Curso de Jornalismo dos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo. No encontro de coordenadores será apresentado o Programa Nacional de Projetos Pilotos em Estágio Acadêmico, aprovado no 32° Congresso Nacional dos Jornalistas, Ouro Preto (MG), em julho de 2006. Esta proposta foi elaborada a partir das discussões e resultados do Seminário Nacional de Avaliação dos Estágios Acadêmicos em jornalismo, realizado em agosto de 2005, em Brasília, pela Fenaj. O I Encontro de Coordenadores de Curso de Jornalismo Rio-ES, antecede o III Encontro Rio-ES de Professores de Jornalismo, dia 27 de outubro, em Vila Velha (ES). Estes eventos são uma promoção da diretoria sudeste do FNPJ, realização do Sindicato dos Jornalistas do Espírito Santo.

Mais informações do Boletim Intercom no endereço: www.intercom.org.br.

Read Full Post »


No telejornal RN TV 1ª edição de hoje a Inter TV Cabugi mostrou claramente a parcialidade do noticiário para atender os interesses da emissora e não o interesse social.
O telejornal começou com uma nota seca, ou seja, com apresentação apenas do âncora, sem qualquer imagem, sobre a greve dos funcionários dos Correios. A greve que prejudica centenas de pessoas, que não recebem suas correspondências, suas contas e uma infinidade de documentos mereceu apenas algumas linhas do jornal, enquanto – a matéria seguinte – o “ação global” teve mais de 3 minutos de “reportagem”(isso não é bem reportagem, é mais uma publicidade da emissora e da Globo), com imagens, entrevistas e tudo o que pede uma matéria de telejornal decentemente.

Com exceção de uma matéria sobre o banco de sangue e sobre uma ação de voluntários em Candelária (bairro de Natal), a edição de 20 de setembro foi de matérias frias e sem qualquer relevância. Para a emissora a principal matéria e a que teve mais tempo no ar foi, sem dúvida, a “ação global”.

Fatos como esse, demonstram claramente a parcialidade e os interesses empresariais sobre o “espírito do jornalismo”, como isenção, interesse social, responsabilidade, credibilidade.

Read Full Post »


O jornal Diário de Natal também vai participar do projeto de publicação das reportagens produzidas pelos alunos de 5º semestre do Curso de Jornalismo da UFRN. O chefe de redação do Diário de Natal, Carlos Magno confirmou para a próxima semana a publicação de matéria dos estudantes.

A matéria selecionada pelo jornalista Carlos Magno trata da longevidade das pessoas. A equipe, composta por Ailton Salviano, Arthur Cortês, Ilo Aranha, José Pedro, Júlio César e Thiago Marinho,
conseguiu localizar a pessoa com mais idade em Natal. João Paulo de Souza, o “seu Juca” está com 103 anos e ainda freqüenta seu trabalhos todos os dias.

Confira a matéria na próxima semana. A reportagem deverá ser publicado no domingo, dia 23 de setembro.

Read Full Post »


Sai na próxima semana, exatamente no final da semana, a primeira reportagem dos alunos de jornalismo da UFRN, nesta segunda fase do projeto de parceria com o jornal Tribuna do Norte. A primeira reportagem escolhida trata dos direitos dos trabalhadores noturnos.

A equipe de produção composta por Anastácia Vaz, Priscila Adília, Ramon Ribeiro, José Roberto, Marcel Macedo e Victor Azevedo, do 5º semestre do Curso de Jornalismo, apurou a matéria em bares, restaurantes, boates, hotéis, atividades de vigilância e mercado do sexo em Natal. Em todos esses locais a equipe entrevistou pessoas que não estão ali para se divertir, mas para a labuta diária, ou melhor, noturna e o quanto os direitos trabalhistas estão assegurados para esses homens e mulheres.

A conferir!

Read Full Post »


Os estudantes de jornalismo da UFRN iniciaram nova fase de produção de reportagens, cujos melhores trabalhos serão publicados nos dois principais jornais diários de Natal, Tribuna do Norte e Diário de Natal.

Os alunos produzem reportagens sobre assuntos diversos, conforme discussão de pauta realizada na disciplina Reportagem, Pesquisa e Entrevista ministrada pelo professor Gerson Luiz Martins. Neste semestre foram produzidas sete reportagens e selecionadas cinco. Dessas, os editores da Tribuna do Norte e do Diário de Natal selecionam aquelas que mais interessam ao jornal, conforme sua linha editorial e pertinencia dos assuntos para o período.

A experiência começou no primeiro semestre de 2007 com resultados muito satisfatórios. Os estudantes vivenciam a prática da reportagem, da pesquisa e da entrevista jornalística e podem ver seus trabalhos publicados nos principais jornais locais, como forma de realização do esforço praticado ao longo de 30 dias para produzir as matérias.

As equipe são divididas com cinco a seis pessoas que nomeiam dois repórteres, dois editores e um ou dois pauteiros. Essa divisão, embora determinem a responsabilidade de cada um no trabalho, não significa que a equipe trabalhe isoladamente, cada membro pode e auxilia o outro na sua tarefa. Além das matérias, os alunos produzem as fotos e infográficos necessários para a pauta.

Segundo o diretor de redação da Tribuna do Norte, Carlos Peixoto, esse trabalho é também uma forma de verificar as potencialidades dos estudantes e abre possibilidade para que os mesmos possam ser contratados pelo jornal depois de formados. O editor do Diário de Natal, Carlos Magno, destaca a importância do projeto, pois aproxima as aulas de jornalismo da prática cotidiana de produção da notícia e coloca os alunos no ambiente profissional a cada fase de produção das reportagens.

* O jornal Diário de Natal recebe o nome de O Poti em suas edições dominicais.

Read Full Post »

Older Posts »